O lançamento do esperado Apple Vision Pro, da Apple, na semana passada, trouxe à tona as discussões sobre realidade virtual e mista. O tema, que não é novo para tecnologia, está presente, nos últimos dias, não só em torno da novidade da dona do iPhone, mas, sobretudo, pelo alto valor, a estimativa é que, no Brasil, o equipamento chegue a mais de R$ 17 mil.

Apesar dos desafios de custos, no entanto, o país é um dos mais receptíveis a esse tipo de tecnologia como já comprovou um levantamento da Ipsos. O estudo mostra que, quando questionados sobre a recepção dos dispositivos de VR e AR, os chineses lideram em entusiasmos com 78% dos participantes muito animados com a tecnologia, em seguida estão os indianos, cujo percentual é de 75% e o Brasil com 60%. O último país de um ranking de 10 nações é o Japão com 22% de pessoas entusiasmadas.

Confira abaixo os óculos imersivos que competem com o Apple Vision Pro:

O tema foi aquecido, no ano passado, principalmente com as discussões relacionadas ao chamado metaverso, ou mundos imersivos. De acordo com a Boston Consulting Group (BCG), até 2025, esse ecossistema, onde AR e VR são predominantes, deve movimentar mais de R$ 2 trilhões.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.

Membership

An active membership is required for this action, please click on the button below to view the available plans.

pt_BRPortuguese