O primeiro voo de teste de um eVTOL (sigla em inglês para “veículo elétrico de pouso e decolagem vertical”) na América Latina deverá acontecer em Curitiba, entre 22 e 24 de março. A informação foi confirmada pela prefeitura da capital paranaense.

A expectativa é de que um teste sem tripulantes seja feito com uma aeronave da chinesa EHang, durante o Smart City Curitiba Expo. A proposta foi apresentada pela AT Global, que representa a fabricante no Brasil, ao prefeito de Curitiba, Rafael Greca (PSD), na última quinta-feira (19).

“Fomos apresentados ao eVTOL e nós, como cidade inovadora, autorizamos os estudos para que este tipo de veículo faça um percurso nos céus curitibanos”, afirmou Greca, que recebeu uma réplica em miniatura do modelo EH216 AAV.

Para realizar voos tripulados, a aeronave vai precisar da autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

“Queremos mostrar para todo o Brasil e América Latina que estamos diante de algo com o potencial de mudar a forma como nós enxergamos a mobilidade aérea urbana. É uma tecnologia absolutamente segura, já testada em milhares de voos ao redor do mundo”, afirmou Alexandre Daltro, diretor-executivo da AT Global.

O que é um eVTOL

O veículo elétrico de pouso e decolagem vertical (eVTOL, na sigla em inglês) é uma aeronave que lembra um helicóptero, mas que faz menos barulho e usa mais hélices para voar.

A Gol e a Azul têm acordos para receber a partir de 2025 seus primeiros eVTOLs, que serão produzidos por empresas europeias. Já a Embraer, por meio de sua subsidiária Eve, promete entregar sua versão da aeronave para clientes a partir de 2026.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.

Membership

An active membership is required for this action, please click on the button below to view the available plans.

pt_BRPortuguese