A administração Biden seleciona presidente da Google, John Hennessy, para liderar pesquisas e desenvolvimento de chips computacionais de última geração, juntamente com outros especialistas da indústria de tecnologia.

O Departamento de Comércio anunciará oficialmente Hennessy e os demais nomeados nesta terça-feira (20), conforme comunicado obtido pela Reuters. Sua principal responsabilidade será formar um conselho de curadores encarregado de gerir o Centro Nacional de Tecnologia de Semicondutores.

Essa colaboração entre setor público e privado recebeu autorização para liderar pesquisas em chips de próxima geração, como parte de uma lei bipartidária de fabricação e pesquisa de semicondutores no valor de US$ 52,7 bilhões, aprovada no ano passado. Essa legislação também prevê subsídios para novas fábricas de chips.

Espera-se que o conselho sem fins lucrativos tome decisões politicamente sensíveis, incluindo a seleção de um local nos EUA para as instalações de pesquisa do centro.

O presidente Joe Biden tem como objetivo expandir a indústria de fabricação de chips doméstica para criar empregos bem remunerados, reduzir a dependência dos principais produtores na China e Taiwan, e garantir uma vantagem para os EUA nas tecnologias avançadas que impulsionarão as inovações militares no futuro.

John Hennessy, presidente do conselho de administração da Alphabet, também é professor de engenharia elétrica e ciência da computação na Universidade de Stanford.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.

Membership

An active membership is required for this action, please click on the button below to view the available plans.

pt_BRPortuguese