A cidade de Nova York doará 500 Apple AirTags para evitar o aumento de roubos de carros, anunciou o prefeito Eric Adams no domingo (30).

A cidade espera que a adição dessa tecnologia de rastreamento ajude o Departamento de Polícia de Nova York a recuperar carros roubados e deter ladrões em meio às crescentes taxas de roubos de carros em toda a cidade.

Veículos Kia e Hyundai são particularmente vulneráveis a roubo depois que uma campanha viral do TikTok no verão passado demonstrou como os carros podem ser facilmente roubados.

Assim que somos notificados sobre um furto de carro – e mesmo que seja dias depois – ainda podemos rastreá-lo, encontrar a pessoa que o está dirigindo e frear o que estamos vivenciando nesta cidade com grande furto de automóveis.

Eric Adams, prefeito de Nova York

O plano de distribuição da Unidade de Prevenção ao Crime da polícia local se concentrará nos distritos com o maior número de roubos para garantir que as AirTags sejam distribuídas equitativamente, disse porta-voz do gabinete do prefeito à ABC News.

As 500 AirTags foram doadas pela Association of a Better New York, e a cidade estará arrecadando fundos para comprar mais AirTags ou dispositivos de rastreamento semelhantes que serão distribuídos em toda a comunidade.

Uma AirTag é um pequeno dispositivo de rastreamento que emite um sinal Bluetooth para notificar o proprietário de sua localização. Os motoristas poderão escondê-las em seus carros para evitar serem vistos por possíveis ladrões.

Se um veículo for roubado, o proprietário pode notificar o NYPD e o departamento de polícia pode rastrear o veículo. O NYPD disse que não terá a capacidade de rastrear uma AirTag sem a permissão do proprietário.

“Espero que recuperemos seu carro sem danos, tiremos um bandido da rua e você volte a usar seu carro para conduzir seus negócios e não atrapalhar sua vida”, disse John M. Chell, chefe de patrulha do NYPD.

Roubos sem fim

A cidade está enfrentando uma onda de roubos de carros neste ano. Houve mais de 4,7 mil roubos de automóveis documentados, aumento de quase 14% em relação ao ano anterior, de acordo com o NYPD. Até agora, 966 veículos Hyundai e Kia foram roubados na cidade de Nova York este ano, disse Chell.

Em abril, a cidade anunciou que entraria com processo nacional contra Kia e Hyundai por não equipar os carros com medidas antifurto após o aumento dos furtos.

O procurador-geral de Nova York estava entre o grupo de 18 pessoas que pediu ao governo federal para emitir recall dos modelos de carros Kia e Hyundai que não possuem controles anti-roubo, dizendo que os roubos de veículos Hyundai e Kia levaram a “pelo menos oito mortes”, bem como “numerosos ferimentos e danos materiais”.

A Kia disse, em comunicado, que lançou atualização gratuita e aprimorada de software de segurança para evitar roubos e também está fornecendo travas de volante gratuitas para os proprietários afetados.

“Ações judiciais contra a Kia por municípios não têm mérito”, disse a empresa. “A Kia tem estado e continua disposta a trabalhar em cooperação com as agências de aplicação da lei em Nova York para combater o roubo de carros e o papel que a mídia social desempenhou ao incentivá-lo.”

A Hyundai disse, também em comunicado, que tomou medidas para ajudar seus clientes, tornando os imobilizadores de motor antirroubo padrão em todos os veículos produzidos a partir de novembro de 2021, lançando atualização gratuita de software para evitar roubos, introduzindo um programa para oferecer seguro para os clientes afetados e reembolsando-os pela compra de travas de volante.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.

Membership

An active membership is required for this action, please click on the button below to view the available plans.

pt_BRPortuguese