O presidente da França, Emmanuel Macron, classificou como “um grande problema” Elon Musk relaxar as políticas de moderação de conteúdo no Twitter.

O mandatário francês concedeu entrevista ao programa de televisão Good Morning America.

A plataforma de mídia social de Musk decidiu no início desta semana reverter uma política destinada a combater a desinformação relacionada à Covid-19.

Desde que comprou o Twitter em outubro por US$ 44 bilhões, o homem mais rico do mundo também restabeleceu algumas contas anteriormente bloqueadas, incluindo a de Donald Trump.

Na semana passada, Musk disse que a plataforma fornecerá uma “anistia geral” para algumas contas suspensas.
“A liberdade de expressão e a democracia se baseiam no respeito e na ordem pública.

Você pode se manifestar, pode ter liberdade de expressão, pode escrever o que quiser, mas há responsabilidades e limites”, disse Macron na entrevista, acrescentando ser a favor de mais regulamentação.

Twitter e Musk não responderam a pedidos de comentários da Reuters.
Musk disse no mês passado que o Twitter estava experimentando uma “queda massiva na receita” por conta de decisão de anunciantes de suspender a veiculação de publicidade na rede social.

Grupos de direitos civis têm feito campanha para que empresas deixem de anunciar no Twitter desde que Musk assumiu o controle da rede social e passou a promover mudanças na política de moderação do conteúdo.

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Entrar

Cadastrar

Redefinir senha

Digite o seu nome de usuário ou endereço de e-mail, você receberá um link para criar uma nova senha por e-mail.

Membership

An active membership is required for this action, please click on the button below to view the available plans.

pt_BRPortuguese